"Conheça as regiões de Sorocaba através do nosso Guia Visual - Equipe VIVAcidade"                          "VIVAcidade - localização por pontos de referência visuais"                          "VIVAcidade - à frente de seu tempo"                          "VIVAcidade - a gente sonha com a cidade"                          
» Ver outros textos sobre a cidade Ajuda ? 
Pesquisar no VIVAcidade
 
Clique aqui para ver mais uma imagem de Sorocaba >>>>>
 
 
Hospedagem em Sorocaba
 

Página Inicial

GUIA VISUAL DA CIDADE

 

» Regiões
» Vias
» Pontos
» Pontos wi-fi
» Bairros
» Radares
» Mapas
» Google Mapas
» Vídeos

GUIA COMÉRCIO SERVIÇOS

 

» Públicos
» Particulares
» 3º Setor
» Mapas

CLASSIFICADOS

 

» Imóveis

SOBRE A CIDADE

 

» Textos e Notícias
» Agenda de Eventos
» Fórum de Debates
» Cinema
» Áudios-Vídeos
» Livros
» Telefones Úteis
» Estatísticas
» Desenvolvimento
» Invista na Cidade
» Dados Históricos
» Região Administrativa
» In English

OUTRAS FERRAMENTAS

 

» Notícias 24 horas
» Rádio on line
» Busca no Site
» Busca CEP
» Dólar e Economia
» Previsão do Tempo
» Calendário

VIVACIDADE SITE-EMPRESA
 

» Quem Somos
» Propósitos
» Conceitos
» Perguntas - Usuários
» Perguntas - Anunciantes
» Fale Conosco
» Orkut
» Twitter
» Facebook
» Linkedin
» YouTube
» Depto. Comercial
» Depto. Jurídico

 
Campanhas de Cidadania
Comitê da Ficha Limpa em Sorocaba
 
Campanha Ficha Limpa
 
Consulte antes de votar
 
 
Saiba Mais
 
Abaixo Assinado Eletrônico

 

OAB-SP - Abaixo Assinado Eletrônico
 
16.08.2010. Eleitores de Sorocaba têm pouca escolaridade

 (*) Equipe VIVAcidade

Sorocaba - O nível de escolaridade dos eleitores de Sorocaba é preocupante já que sua grande maioria não chegou completar o ensino fundamental. Tal afirmação baseada em números do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) pode levar a sociedade pensante a várias reflexões, principalmente a de que a educação não é interessante para que o sistema eleitoral funcione com eficiência e sem contestações. Em outras palavras, quanto pior for o nível de escolaridade dos eleitores, mais fácil de enganá-los.

É bom lembrar que a condição de escolaridade é declarada no momento em que o eleitor registra o seu título no TRE. Ou seja, os que têm ensino incompleto em algum grau, poderão completar mais tarde. Assim, no momento do registro do título eleitoral, o eleitor declara a sua situação educacional daquele momento.

Por exemplo, se um eleitor se cadastrou no TRE em 2003 e declarou na ficha de cadastramento que estava cursando o ensino médio, então, para sempre ele entrará no grupo de eleitores que não completaram o ensino médio, mesmo que, em 2010, ele já tenha completado o ensino médio e ainda ingressado no ensino superior. Assim, o fato de o TRE não exigir o recadastramento do título dos eleitores com as devidas informações educacionais atualizadas faz com que as estatísticas sejam falhas.

É bom lembrar também que o nível educacional dos estudantes e dos eleitores é difícil de ser pontuado sem considerar o desempenho dos mesmos no provão do MEC. Há de se considerar também as notas das avaliações das faculdades nas quais os eleitores de Sorocaba estão matriculados, concedidas pelo exame nacional dos cursos (ENC) ou pelo Enade (Exame Nacional de desempenho de estudantes).

Em Sorocaba, no mês de julho, 407.075 eleitores estão aptos a votar nas eleições de outubro. Confira o nível de escolaridade declarado pelos eleitores sorocabanos:

Analfabetos e semi-analfabetos

Os analfabetos correspondem a 4.690 eleitores, ou seja, 1,15% dos eleitores que nunca se matricularam numa escola e nem conseguem assinar o próprio nome. O que dizer então sobre eles entenderem o que acontece na realidade política local. São os mais fáceis de serem ludibriados pelos políticos e suas lábias.

17.713 é o número de eleitores que sabem ler e escrever, número equivalente a 4,35% dos eleitores. Estes também conseguem ir até uma urna e votar e até ler o que está escrito nos panfletos ou nos muros com propaganda política de candidatos. Não conseguem, porém, fazer uma reflexão sobre o que estão lendo, aceitando tudo como verdade, e até acham "bacana" todo aquele agito eleitoral das ruas.

Ensino Fundamental

A grande maioria dos eleitores sorocabanos, 127.744 (31,38%), possui o ensino fundamental incompleto, de primeira a oitava série. São eleitores que sabem ler e escrever e conseguem ir até a urna para votar, requisito suficiente para que a classe política dominante possa ganhar as eleições. Entendem muito pouco sobre a realidade política local. Correspondem ao chamado eleitorado "povão" e são os preferidos dos candidatos.

Apenas 10,07% dos eleitores de Sorocaba completaram o ensino fundamental, o que equivale a dizer que 41.006 não conseguem refletir com afinco a respeito dos candidatos e seus planos futuros.

Ensino Médio

Uma boa parcela dos eleitores sorocabanos, 89.807 (22,06%) declarou não ter completado o ensino médio. Estes eleitores já têm um pouco de crítica, mas não de forma aprofundada, podendo ser levados ainda pela sedução dos discursos que falam sobre esperança e emprego para todo mundo.

Outros 84.329 eleitores já completaram o ensino médio. Ou seja, 20,72% dos eleitores têm um nível de escolaridade "melhorzinho", mas não o suficiente para analisar a situação política local, quanto menos a estadual e a nacional.

Ensino Superior

Os eleitores de nível superior trazem um pouco de esperança ao cenário avaliativo em relação aos candidatos já que estes eleitores, teoricamente, possuem um poder maior de crítica e têm maior chance de não se deixarem levar por "balelas" eleitorais. Esse grupo concentra os eleitores que pesquisam a internet e fazem verdadeiros "dossiês" sobre os candidatos antes de irem às urnas. São os eleitores críticos e exemplares, mas que não interessam muito aos candidatos que preferem explorar o povão.

Em Sorocaba, 15.959 eleitores, o equivalente a 3,92%, declararam ter o ensino superior incompleto e 25.827 eleitores declararam ter concluído o ensino superior, o equivalente a 6,34% do total.

Comentários

1 - Candidatos mentirosos ou rotulados como "ladrões" são aceitos pelos eleitores com nível de escolaridade mais baixo porque estes eleitores do povão não conseguem entender como funciona o sistema eleitoral e nem como suas mentes são manipuladas para votarem naqueles políticos de sempre que se conservam eternamente no poder.

2 - Em sala de aula, os alunos, em sua grande maioria, aprendem a respeitar a liderança (no caso, o professor, o diretor, etc.), mas, não a serem líderes de suas próprias vidas e em suas comunidades. Respeitar em sala de aula é uma coisa, ser enganado lá fora por falsos “líderes” é outra. É preciso reinventar todo o sistema de ensino para formar líderes de verdade.

3 - A sociedade cresce reverenciando aquele que está no palco, no palanque, ou na TV, sendo que o eleitor fica sempre passivo na platéia, esperando por dias melhores que só se traduzem nos discursos políticos daqueles que se apresentam como candidatos. Como o voto é obrigatório e o povo, em sua esmagadora maioria, não pensa como deveria, não há alternativa a não ser votar sem reclamar.

4 - Os políticos sabem desta fraca condição educacional do povo e exploram de várias maneiras a carência na formação intelectual dos eleitores. Para os políticos sacanas que dizem que irão melhorar a educação é extremamente positivo a péssima condição educacional do eleitor.

(*) Equipe VIVAcidade - 16.08.2010

Comentários dos leitores

1 - É importante lembrar que o TRE não exige recadastramento do título, ou seja, muitas pessoas já completaram o ensino fundamental, médio e superior mas nunca recadastraram. Portanto, acho essa pesquisa bastante falha e não reflete o número de estudantes da atualidade matriculados nas escolas de ensino médio e superior da cidade. Ou, estes não votam? Robson Lima - Sorocaba, SP.

2 - Acho ótimo, apesar de triste, ter acesso a esse fato, que ao dizer indiretamente que a população da cidade tem pouca escolaridade vem confirmar o erro em definir a cidade de Sorocaba como um município de vocação industrial, como enfatiza com frequência o sr. prefeito municipal, que ultimamente, diferentemente de anos anteriores, vem acumulando equívocos. A conseqüência da educação limitada se reflete em outras áreas: esse limite anda junto do poder de compra reduzido. Se reduz em habitações sofríveis, em serviços de baixa categoria, num trânsito desorganizado, sem poder e influência sobre os governos estadual e federal, etc. E isso apesar da cidade ter diversas entidades que estão ajudando muito para que essa situação melhore, como a Maçonaria, Rotary, Lions, entidades religiosas, ongs, entre outras. Senhores, será que com a Educação Continuada praticada atualmente nas escolas públicas estaduais esse fenômeno vai desaparecer? Edward Silva Jr. - Sorocaba, SP.

VIVAcidade - Copyright © 2004-2016 - Todos os direitos reservados | Aviso Legal
VIVACIDADE INTERNET E COMUNICAÇÃO LTDA.
Fale com o VIVAcidade: Clique Aqui

 

 

VIVAcidade Sorocaba
Tipo: Comunicação
Região: Além Linha-Trujillo
Local: Rua Ângelo Elias, 689
Ver mais no Guia VC

Leia Mais
Saiba Mais
Fórum de Debates
 
sociais.com
Conheça Votorantim

Galeria de Mapas
Comércio e Serviços
Rodovias de Acesso
Ruas e Avenidas
Regiões da Cidade
Região Central